Governo de Goiás custeia viagens de mais de 40 mil atletas em 2022

O Governo de Goiás finalizou o ano de 2022 com o embarque de mais de 40 mil atletas, em viagens terrestres e aéreas. O investimento nessa área ultrapassou os R$ 4 milhões. Pelas estradas brasileiras, mais de 400 viagens foram feitas com ônibus contratados pela Secretaria de Estado de Esporte e Lazer (Seel). O apoio também foi dado aos atletas que se deslocaram de avião com a aquisição de 130 passagens aéreas. Mais de 40 federações, das mais variadas modalidades, foram atendidas, com o transporte de atletas do desporto e paradesporto para competições e eventos.

Uma dessas viagens foi a da delegação goiana de taekwondo, que levou mais de 30 atletas para o Grand Slam Nacional, no Ceará. O mestre Francisco de Assis destacou a importância do apoio para a participação na competição. “O transporte foi fundamental, sem isso, provavelmente, não teríamos disputado o Grand Slam, que é um campeonato muito importante e conta pontos no ranking. A grande maioria dos nossos atletas não teria condições de bancar uma viagem para Fortaleza”, ressaltou.

Além das viagens terrestres, outro destaque foi o apoio com passagens aéreas. Foram mais de 130 atletas que se deslocaram com apoio do Governo de Goiás durante o ano passado. A equipe de futebol de cegos da Acelgo disputou o campeonato Regional Centro-Norte em Belém, no Pará, e recebeu 14 passagens aéreas para atletas e comissão técnica.

O técnico Fabrício Gomes enfatizou o apoio para a equipe. “Não tínhamos condições de participar da competição, até por ser uma viagem longa. Conseguir as passagens aéreas foi ainda mais importante, pois tivemos um desgaste bem menor para os nossos atletas”, explicou.

O secretário de Estado de Esporte e Lazer, Henderson Rodrigues, relacionou o apoio com transporte aos resultados positivos alcançados pelos atletas. “Nossa função é fomentar o esporte em todos os aspectos. No âmbito do alto rendimento, a logística é um ponto crucial. Saber que dispõe do transporte para a competição deixa o atleta mais tranquilo e focado na preparação”, destacou.

Para 2023, a manutenção dos contratos de transporte terrestre e aéreo para os atletas está garantida. Os pedidos devem ser encaminhados via ofício para a Seel pelas federações e agremiações.

Utilizamos cookies essenciais e tecnológicos semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.