Comitê Setorial do Programa de Compliance Público faz validação da avaliação de riscos

Nesta quarta-feira (29), foi realizada mais uma reunião do Comitê Setorial do Programa de Compliance Público da Secretaria de Estado de Esporte e Lazer. A pauta deste encontro foi a validação da avaliação dos riscos, as considerações referentes à complementação na planilha de maturidade e o ponto central abordado foi o repasse de informações a respeito da tolerância de riscos na secretaria.  

Outros pontos importantes da matriz do Programa de Compliance Público foram abordados, com a quantidade de certificações recebidas pelos servidores da Seel, além da elevação no nível de maturidade da secretaria em relação a 2020, que foi o primeiro ano de avaliação do PCP na pasta.

O PCP

O Programa de Compliance Público foi instituído em Goiás pelo governador Ronaldo Caiado em 2019. Segundo a Controladoria Geral do Estado, responsável pela implantação do PCP, "o objetivo é evitar o desperdício do dinheiro público e combater a corrupção de agentes públicos e privados para levar mais serviços e infraestrutura aos cidadãos goianos”. O programa está estruturado baseado em quatro eixos: ética, transparência, responsabilização e a gestão de riscos.

Dentre os membros do Comitê Setorial do Compliance estavam presentes na reunião o Chefe de Gabinete, Rogério Augusto, o Superintendente de Gestão Integrada, Lusimar Santos, o Superintendente de Segurança e Infraestrutura Esportiva, Rudson Guerra, Instrutora de Técnica Esportiva e coordenadora de Gestão de Riscos, Renata Bilego, e o Chefe da Comunicação Setorial, Luís Gustavo de Araújo.

Utilizamos cookies essenciais e tecnológicos semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.